A revolução do 25 de Abril de 1974 trouxe a Portugal Liberdade, pondo fim a um longo período de Ditadura fascista de 49 anos. Após 1976 houve retrocessos graves no processo desta revolução, patrocinada por partidos reaccionários de direita tendo como aliados algumas famílias Fascistas. Portugal foi caminhando o trilho de uma sociedade capitalista, geradora de profundas injustiças sociais.



Neste blog iremos denunciar os sistemáticos atentados que todos os dias ocorrem às Liberdades, Direitos e Garantias que herdámos de homens e mulheres que lutaram para que fosse possível o maior acontecimento histórico do século xx em Portugal.



quinta-feira, 29 de março de 2012

MUSP - Para todas as Comissões de Utentes sem Excepção


Lisboa, 27 de Março de 2012

O Governo pretende com argumentos falsos e perigosos para a democracia, para as populações e para os trabalhadores extinguir mais de 1500 freguesias.Caso fosse concretizada tal pretensão do governo de maioria PSD/CDS-PP seria dado um rude golpe no Regime Democrático e no próprio Poder Local Democrático uma das mais importantes conquistas alcançadas com a Revolução de Abril.

É uma situação que merece do Movimento de Utentes dos Serviços Públicos - MUSP sérias preocupações face aos perigos que a mesma represente, por isto mesmo manifestámos às freguesias e respectivos Movimentos de Utentes total apoio e solidariedade à luta que estão a desenvolver contra a extinção de freguesias e em simultâneo permitimo-nos apelar a todas as Comissões de Utentes sem excepção para q que se integrem na Manifestação Nacional a ter lugar no próximo Sábado, dia 31 na cidade de Lisboa, se possível devidamente identificadas com panos ou cartazes.

Confiantes que corresponderão ao solicitado, subscrevemo-nos com respeitosos cumprimentos.

Grupo Permanente do MUSP