A revolução do 25 de Abril de 1974 trouxe a Portugal Liberdade, pondo fim a um longo período de Ditadura fascista de 49 anos. Após 1976 houve retrocessos graves no processo desta revolução, patrocinada por partidos reaccionários de direita tendo como aliados algumas famílias Fascistas. Portugal foi caminhando o trilho de uma sociedade capitalista, geradora de profundas injustiças sociais.



Neste blog iremos denunciar os sistemáticos atentados que todos os dias ocorrem às Liberdades, Direitos e Garantias que herdámos de homens e mulheres que lutaram para que fosse possível o maior acontecimento histórico do século xx em Portugal.



terça-feira, 3 de julho de 2012

Apontamentos recolhidos numa Assembleia Municipal de Paredes

1) O Relatório de Actividades e Situação Financeira do Município (Abril – Junho 2012) tem 62 págs. (quer na versão CD quer na versão papel).
2) Dessas 62 págs., 9 págs. estão em branco. As restantes 53 págs. dividem-se pelos diferentes pelouros e gabinetes. Assim retirada a Capa, ficam 9 págs para o Pelouro da Ação Social, 1 pág para o Pelouro da Juventude, 3 págs para o Pelouro do Desporto e Equipamentos Desportivos, 4 págs para o Pelouro do Planeamento e Desenvolvimento Urbano, 1 pág para o Pelouro do Turismo, 2 págs para o Gabinete de Arqueologia e Património, 1 pág para o Pelouro da Inovação, 10 págs para o Pelouro da Cultura (por erro as 5 págs da Cultura são reproduzidas duas vezes), 2 págs para o Pelouro da Educação, 16 págs para o Pelouro do Ambiente e Oficinas Gerais, Feiras e Proteção Civil, 1 pág para o Pelouro dos Serviços Gerais e 2 págs para a Situação Financeira.
3) O Pelouro dos Serviços Gerais é um dos mais sui generis. Para que conste, da sua actividade plasmada em documento consta: “limpeza das casas de Banho Públicas”, “reparação da Bandeira Nacional do Município”, “limpeza ao Museu Municipal”, “preparação do Salão Nobre para a realização de Reuniões…”. Percebe-se assim o que está limpo, reparado ou preparado. Do resto…
4) A mesma actividade (Projecto Voluntariado de Proximidade) aparece referida 2 vezes, uma na actividade do Pelouro de Ação Social e outra no Pelouro da Juventude). Mas com um particularismo: um fala de 10 idosos, 4 técnicos e 17 jovens voluntários e outra em 10 idosos, 4 técnicos e 18 jovens voluntários. Façamos a média: 17 voluntários e meio.
5) No Pelouro de Ação Social, são inúmeras as reuniões discriminadas uma a uma, inúmeras as participações, diversificadas as actividades. Para que conte, há entidades ou projectos como Agenda Regional para a Empregabilidade – Pacto Territorial para a Empregabilidade do Tâmega e Sousa, Norfin – Entidade Gestora do programa Mercado Social de Arrendamento, Associação Pegadas de Amor, Geração Aventura, MIS – Modelo Institucional de Suporte, Plataforma Supraconcelhia do Tâmega, Invista 2012- Feira do Emprego, Formação Profissional e Empreendedorismo, Rede Europeia Contra a Pobreza EAPN – Projecto ROMI, Banco Local de Voluntariado, Gabinete de Apoio (ou Acompanhamento?) Psicológico – Projecto Solidariedade em acção, Clube de Emprego, Programa Rede Social, Paredes Social, Projecto Mão Solidária – Loja Social de Paredes, ProjectoTeleassistência, CPCJ, Conhecer para Intervir- Ser cigano (Entre) Paredes, etc.etc. A continuar…

Ver em : BLOGUE DA ORGANIZAÇÃO DA FREGUESIA DE LORDELO DO PARTIDO COMUNISTA PORTUGUÊS